Menor furta cadeiras e bancos de quiosque do bairro Santa Terezinha

Um menor de 16 anos foi apreendido na manhã de hoje pela Polícia Militar de Muriaé, acusado de furtar nove cadeiras e seis bancos de um quiosque no bairro Santa Terezinha. Segundo os militares, Sargento Lima e Sd. Cirelli, o furto aconteceu por volta das 04h30 da madrugada e a PM passou a investigar o caso, sendo que no início da manhã, já tinham chegada ao menor suspeito, que estava em casa,  e o mesmo teria confessado que furto e onde vendeu os produtos. Os militares, com apoio da viatura comandada pelo Sargento Valdeli, foi para o local e recuperaram os produtos de furto, bem como deram voz de prisão a pessoa que teria comprado os bancos e as cadeiras do quiosque.

Ver Mais Notícias


9 Comments

  1. Até isso? Cadeiras quiosque? Situação difícil que estamos vivendo nestes dias em nossa Muriaé!
    Esses “muleques” estão roubando tudo que vêm pela frente… E quem sofre é o povo muriaeense, que está ficando até com medo de sair de casa.
    O que diminui a quantidade de ocorrências do tipo em Muriaé é o nosso competente corpo de militares, que vem demonstrando muita competência e agilidade em relação a esses casos de furtos.

    Parabéns ao Sargento Valdeli e a todos os militares envolvidos na ocorrência!

  2. Gente , bom dia

    Eu, já mencionei em comentários anteriores :
    O ECA , É O PASSAPORTE QUE OS MENORES PRECISAVAM PARA INICIAREM A CARREIRA NA CRIMINALIDADE.

    Pois em todos as ocorrências de: Furto , Assassinato , Roubo , Tráfico de droga, Prostituição, tem um menor envolvido.

    Senhores Governadores, até quando ? Vamos viver com esta situação.

    Abrem olhos !!

  3. A nossa Muriaé, ja não é mesma de antigamente de tando roubos e diversos delitos. Vai aí o meu recado aos DIREITOS HUMANOS, AO CONSELHO TUTELAR, AOS NOSSOS GOVERNANTES E PRINCIPALMENTE AOS PAIS DESSES INFRATORES DE MENOR. TEM QUE LIBERAR SIM, MENORES PARA TRABALHAR E ARCAR COM SEUS DELITOS. TRABALHO NÃO FERE E NEM MATA NINGUEM, FICAR PASSANDO A MÃO NA CABEÇA DESSES MENORES, É ASSINAR UM TERMO PARA QUE ELES CONTINUEM COMETENDO SEUS DELITOS. RESPONSABILIZA TAMBEM OS PAIS QUE NÃO SABEM EM PLENA MADRUGADA ONDE ESTÃO E O QUE ESTÃO FAZENDO. POR ISSO QUE A FICOU COMO TA. Eu trabalho desde meus 14 anos, comecei trabalhando na roça, nunca reclamei de meus pais por me terem me colocado a trabalhar tão cedo; Estudei e desde cedo aprendí que para se conquistar algo, requer batalhar. Hoje tenho minha casa, minhas coisas,meu emprego e vivo feliz.

  4. os policiais estao de parabens so q infelizmente a justiça esta protegendo esse ladraozinho pq ele rouba quase todos os dias aki no santa terezinha ele e filmado tem testemunhas mas infelizmente ele nao fk preso pq e considerado de menor e com isso somos nos q temos q levantar cedo voltando tarde do serviço pra termos nossas coisas com tanto sacrificio e um bosta como esse sai livre sem culpa nenhuma ele ja esta na rua procurando outra casa a roubar e vai ser assim por muito tempo pq ainda tem apenas 16 anos esta na hora da justiça olhar um pouquinhos mis para nos trabalhadores e colocar uma lei onde menor tem q ser preso

  5. Em situações como esta, apenas uma questão básica:
    Quem educou ou deixou de educar estas crianças e adolescentes?
    Para a Lei, eles estão em desvio de conduta. Para mim, quem se encontra em desvio de conduta é a família, a sociedade e até o estado, que não cumpriram seu papel de assistência integral a seus filhos, como manda o ECA:
    ” Art. 4º – É dever da família, da comunidade, da sociedade em geral e do poder público assegurar, com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária.”
    A vida não nos é dada pronta e acabada, é um projeto, uma estrutura interminavel. O Menor Infrator é um sujeito que está, ainda, em desenvolvimento, devendo ser punido e responsabilizado por seus atos, mas, o Estatuto também observa também que outras oportunidades devem ser garantidas, com a finalidade de reverter o trajeto de delitos praticados por nossos jovens.

  6. Silvério, bom dia!

    Ùnica forma de reverter esta situação é: cortar uma boa vara de marmelo, uma banheira com sal e vinagre .

    Dá uma surra bem dada em praça pública , para ver se estes caras criam juizo.

    Pois depois que criaram este ECA, os adolescentes e crianças do BRasil , vira uma verdadeira ECA…………

Deixe uma resposta para Muriaense Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *