Falta de respeito com vagas especiais na cidade gera reclamação e exige providência das autoridades


TODOS OS CARROS PARADOS EM VAGAS ESPECIAIS PRECISAM EXIBIR O CARTÃO DE CREDENCIAMENTO (2ª FOTO). Esta semana recebemos a seguinte mensagem de um usuário de Vaga Especial:  “Faço este apelo ao digno repórter, uma atenção especial à falta de respeito aos nossos direitos de vagas para os idosos, que pagamos para usar, e não conseguimos, pois, os não habilitados fazem uso sem nenhuma cerimônia. 

Fiz varias ligações e me alegaram não possuir efetivo para tal fiscalização, se fosse gratuito este serviço eu me calaria, mas paguei por ele. O valor pago, eu não me lembro, é pouco mais de R$ 17,00 e, é definitivo. Como é que vendem um tipo de prestação de serviços, sem qualquer infraestrutura? . Ainda há aqueles que colocam um pedaço de cartolina com escritos a pincel atômico….ISSO ESTÁ ACONTECENDO EM NOSSA MURIAE”, disse o internauta muriaeense.

Na tarde desta sexta-feira funcionários do Demuttran e a Polícia Militar atuavam na área central e na Rua Dr. Silveira Brum davam a última chance a um veículo de Patrocínio do Muriaé, não credenciado, ocupando uma Vaga Especial de Deficientes. O motorista não estava por perto e o carro seria levado. Todas as vagas especiais devem ser respeitadas para evitar transtornos: Idosos, Deficientes, Carga e Descarga, Táxi, Transporte de Valores e Ônibus. 

Ver Mais Notícias


30 Comments

  1. Eu passo muito por isso nessa cidade, tenho credencial para estacionar o meu carro de deficiente com meu filho, mas as vagas nuncam estao desocupadas, para q eu possa ocupar no momento necessitado, e quando ligo pra policia para falar do fato, eles perguntam onde e, e dizem que nao tem viatura para ajudar no momento, nao sinto com direito especial, sendo especial… vamos fazer com que a cidade seja mais humana..

  2. Aproveitem a operação, para multar motociclistas  que param em vagas de carro, pois quando um altomóvel está em vaga de moto, é guinchado, e a cidade tem poucas  vagas,  os donos de moto param  em qualquer lugar, direito para todos. 

  3. Foi belíssimo o trabalho da polícia junto ao demutran,.Eu tenho um neto deficiente ,só tem a mãe pra cuidar dele,já perdeu até o pai,sempre precisa de vaga pra me estacionar não consegue,as vagas estão sempre ocupadas por pessoas que não precisam ,ela tem documento feito na Prefeitura pra mostrar sempre no painel.So não consegue vaga….Foi muito bom,assim coloca cada um no seu lugar .Parabéns a todos ,belisdimo trabalho.

  4. Não há um mínimo de consideração ou respeito. A única coisa que têm  receio é a Ocorrência Policial, a apreensão do veículo e a multa pesada. Depois de multados ou autuados, com o veículo apreendido, vão às portas da Delegacia, do Demutran, alegando que é  amigo do delegado, vizinho do policial, devoto de São Cristóvão  e o escambau. Esse maldito jeitinho brasileiro tem que acabar. Agora mesmo voltaram com o som alto em veículos, dia, noite e madrugada e quando  são autuados, a ladainha é a mesma.

  5. Eles podiam tbm rebocar estas inúmeras motos que estacionam em vagas de carros, um absurdo isso. No centro o abuso e absurdo, na rua cel. Amador pinheiro de barros, Dr. silveira brum, cel. Marciano Rodrigues, Dr. Olavo tostes, dentre outras, é só a polícia ir que vai fazer uma festa. Está falta de respeito tem que ter um fim, mas infelizmente nada é feito, será pq que heim!!!

  6. TODOS NOS SOMOS IGUAIS PERANTE A LEI E PERANTE DEUS.SE OS DEFICIENTES,OS IDOSOS E ETC. TEM DIREITOS PORQUE NOS QUE GERAMOS EMPREGO EM NOSSAS EMPRESAS PAGAMOS AUTOS IMPOSTOS PARA O ESTADO E MUNICIPIO NAO TEMOS DIREITOS NENHUM PRECISAMOS IR AO BANCO PAGAR NOSSAS CONTAS E NAO TEMOS SEQUER UMA VAGA PARA PARAR NOSSOS VEICULOS,ISSO E IGUALDADE? E AI ALGUEM TEM UMA RESPOSTA PRA MIM?

  7. Estão certo sim tem seus direitos especiais

    Mas Muriaé hoje está difícil achar um vaga pra estacionar. Em muitas das vezes tem vaga pra estacionar um carro vem uma moto e estaciona no meio certo da vaga aí como fica. Outra não sei pra que tanto ponto de ônibus na cidade um perto do outro lugar que era vaga pra estacionar um ônibus passou ser vaga pra dois. Eu não entende até hoje que ja tem um ponto de ônibus perto da ponte casa de saúde tem um perto do antigo nacional perto da rodoviária. Entre o espaço desses dois pontos de ônibus fizeram um perto da loja muritelha 

  8. Esse pessoal do dimutran tá achando que é guarda e trânsito, agora estão usando até apito, e muitas das vezes filmando e tirando fotos de carros e usuários, e as vezes desrespeitando os motoristas, eu mesmo já presenciei isso.

     

    1. Se vier multa pra mim eu ferro c el s na justiça pq tô cansada de perder vaga pq motociclista para no meio da vaga de carro, onde já se viu?! E outra, idoso não trabalha mais, pra que tanta vaga ? A gente que trabalha tem menos direito por que? …! Vai ser valente com motoqueiro! 

  9. Bom dia a todos.

    Mes sem saber que este tipo de vagas em nossa é uma prestação de serviços. Há algum tempo venho me questionando sobre a quantidade de vagas especiais que existe em nossa cidade, "há um número excessivo de vagas". Nada contra idosos, pois um dia vou ser uma, as autoridades tem que fazer uma revisão neste setor, pois não acredito que existam tantos necessitários em nossa cidade. E quanto a idosos, geralmente são aposentados e dispõe de tempo parar resolver suas questões do dia a dia, enquanto que nós que estamos na correria do dia a dia ficamos até horas a procura de vagas em nossa cidade e as vezes temos que parar muito longe de onde temos que fazer nossas atividades, pois pra todo lado que se olha quando não é pra idoso e para deficientes as vagas. É minha opinião.

    1. Para idosos pode até ser muita mas para deficiente não, acho que vc nunca precisou tirar uma cadeira de rodas do porta malas colocar o cadeirante nela e ter que ir fazer o que quer que seja. Achei meio inconveniente seu comentário. Tenho certeza que qualquer deficiente preferiria não ser deficiente e parar o carro onde quer que seja e ir andando fazer suas obrigações. Mas e só minha opinião.

  10. Por isso que prefiro comprar fora da cidade!!! Em Itaperuna, Rio e BH, em Muriaé não tem vaga para estacionar e os proprios donos de lojas no Centro tiram as vagas!!! Então fiquem com as vagas que compro em outro lugar!!!

  11. Parabéns ao Diretor do Demuttran e ao servidor Silvinho pela atenção dada a essas vagas especiais, meu carro e credenciado para uso de meu filho com necessidades especiais e sempre que preciso as vagas estão ocupadas por carros não credenciados, em especial na vaga em frente a Matriz São Paulo.

  12. Gostaria de entrar no mérito, mas acho que há outros assuntos pertinentes que merecem ser apontados. Muitos comentários dizem respeito às vagas dos deficientes, as quais muitas vezes estão ocupadas. Não sou deficiente e conheço alguns motoristas portadores deficiência e utilizam cadeira de rodas e vejo a dificuldade que encontram em se locomover pelas calçadas da cidade. Não há como se locomover com tranquilidade. Gostaria muito que as pessoas olhassem um pouco para essas pessoas e observassem as dificuldades e tentassem se colocar no lugar delas. Tentem subir numa cadeira de rodas e se locomover pelas calçadas de Muriaé, e por outras da região, nem falo nas de Miradouro que é um absurdo. As pessoas merecem respeito e o trabalho e auxílio para melhorar a vida e o dia a dia dessas pessoas portadoras de deficiência tem que ser observados em todos os locais e cidades, são trabalhadores e merecem toda minha admiração pelo exemplo que me dão todos os dias.

  13. Existe legislação federal que ampara IDOSOS E DEFICIENTES. E a lei deve ser respeitada. Não estamos mais na época em que vigorava a Lei de Talião: olho por olho, dente por dente. Impõe, pois, o respeito às leis. Vejo em curso um sentimento egoista, egocêntrico, em que cada um se acha no direito de ter mais direito que o outro, a partir de uma visão individualista, se achando o centro do mundo. Por muitas vezes, deparo com jovens, com bem menos que 30 anos de idade, estacionando seus veículos em vagas de idosos e deficientes, sem o menor respeito às leis. É o Estatuto do Idoso que dá este direito, e quem se acha preterido, se julgando com mais direito que idosos e deficinetes, não se esqueça que estes também já deram o melhor de si pelos mais jovens e hoje usufruem da condição que lhes cabe. Deixemos de ser egoistas e aprendamos a nos colocar no lugar dos outros. 

     

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *