Grupo Bahamas vai abrir a 3ª unidade em Muriaé. Previsão é que sejam gerados 100 empregos

Vídeo conferência selou o compromisso com Muriaé

É O BAHAMAS SUPERMERCADOS QUE FICARÁ LOCALIZADO NA REGIÃO DO TREVO SANTA RITA/JOSÉ DE ABREU. Unidade vai gerar cem empregos diretos e dezenas de indiretos na cidade. Inauguração está prevista para primeiro semestre do ano que vem. Em reunião por videoconferência com o prefeito Grego na tarde desta quinta-feira (9), o presidente do Grupo Bahamas, Jovino Campos Reis, anunciou a abertura de mais uma loja em Muriaé – a terceira do Grupo na cidade. Desta vez, o município contará com uma unidade da bandeira Bahamas Supermercado, a mais tradicional no portfólio da empresa. A inauguração está prevista para o primeiro semestre de 2021.

O prefeito Grego com um representante da empresa

Com foco no varejo, o empreendimento de 1.025m² de área de vendas está sendo construído na Avenida Vicente Alves, no bairro Prefeito Hélio Araújo (antigo Bico Doce), e vai gerar cem empregos diretos e dezenas de postos de trabalho indiretos. As oportunidades de cargos de chefia serão dadas a colaboradores das lojas do Grupo na cidade. As demais vagas serão abertas para a população em geral do município.

Serão 40 vagas cobertas de estacionamento e 15 caixas. O funcionamento acontecerá de segunda a sábado, das 8h às 21h. Ao todo, mais de R$3 milhões estão sendo investidos pelo Grupo na implantação de sua mais nova unidade em Muriaé, que terá ainda mais de R$18 milhões investidos em sua construção, gerando economia e renda na cidade. Ainda em dezembro serão entregues 99 apartamentos no espaço em cima da loja.

A cidade já conta com o Bahamas Mix, inaugurado em dezembro de 2013, e o Empório Bahamas, inaugurado em junho de 2016.

Ver Mais Notícias


10 Comments

  1. ENQUANTO OS PEQUENOS ESTÁ FECHADO E SEM NENHUMA RENDA, AJUDA QUE AUTORIDADES ESTÃO DANDO AOS GRANDES EM MANTER SEUS SUPERMERCADOS ABERTOS O RESULTADO É ESTE PEQUENOS NEM SABE SE VAI PODER TRABALHAR ENQUANTO OS PODEROSOS ANUNCIA GRANDES LOJAS. MAS 15 DE NOVEMBRO VEM É SÓ LEMBRAR E DAR A RESPOSTA.

  2. Tem que abrir logo pois se o Braz ganhar as eleições, ele, de novo, acaba com essa história de grandes empresas se estabelecerem em Muriaé.

  3. Gostaria de saber onde vão parar os caminhões para descarregar as mercadorias, sou moradora do bairro e não achei interessante essa ideia de um supermercado nesse local.
    O local já é confuso demais para segurança das pessoas que transitam ali.
    E outra, vai tirar o ganho de outros mercados pequenos que ficam em volta. Que ja vivem aqui a anos!
    UM SUPERMERCADO DESSE TEM CONDIÇÕES DE SE INSTALAR EM OUTRO LOCAL!

  4. A geração de empregos é de grande importância, não há como negar. Mas um estabelecimento desse porte e naquele lugar inevitavelmente irá impactar todos os pequenos comércios ao redor. Os pequenos comércios de bairro, como mercearias, padarias, quitandas e supermercados jamais conseguirão concorrer com o poderoso Grupo Bahamas e, evidentemente, sucumbirão. Necessária será uma ponderação do governo municipal sobre essa instalação. Talvez a locação do mesmo estabelecimento em outra região, como por exemplo a Central da Pronta Entrega (perto do trevo da PRF) que nunca funcionou. Acho que seria razoável, geraria os mesmos 100 empregos e não esmagaria os pequenos comércios dos bairros Safira, Colety, São Gotardo, João XXIII e Rua Santa Rita.

  5. Eu como moradora do bairro, já decidir que não irei fazer compras nesse supermercado, e acho que em solidariedade aos supermercados da nossa cidade ninguém deveria comprar nessa loja.
    O Sr. Prefeito em plena campanha para ser reeleito deu um tiro no próprio pé, fazendo elogios a empresários de fora. Eu nunca vi ele elogiar empresário nenhum da nossa cidade.

  6. Fica parecendo que o prefeito está querendo esmagar os empresários da cidade . Já estão todos contra ele. Não chega o tanto que já fez para prejudicar o comércio local?
    Vários supermercados da cidade geram 100 empregos ou até mais que isso.

  7. Mauas ( que pra maioria iria fechar) do cresceu após a chegada do bobs.
    Lourenço, bazin, levate, tb so cresceram após a vinda dos grandes.
    Povo tem que se adaptar !
    100 empregos novos diretos!
    A cidade cresce! Pensamento e atitudes devem acompanhar! Tem espaço pra todos, mas com pensamento dos anos 80 realmente serão engolidos ! Sabendo se adaptar não fechará as portas!

Deixe uma resposta para Ana Silva Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *