PRF apreende carro de aplicativo com queixa de roubo. Passageiro corre e joga revólver fora

A Polícia Rodoviária Federal de Muriaé abordou no fim da noite desta quinta-feira (26) um veículo que estaria em atitude suspeita na área urbana da BR-356. Na parada, um dos cinco passageiros saiu correndo, foi perseguido por um policial rodoviário e no caminho deixou para trás um revólver calibre 32.

De acordo com a PRF, que ainda vai se pronunciar oficialmente, o veículo trata-se de aplicativo e ao verificar a documentação foi constatado que o mesmo teria sido roubado em 2014, no Rio de Janeiro. Motorista e os passageiros foram encaminhados para a Delegacia de Plantão da Polícia Civil, no bairro Safira. Já o carro, levado para um pátio credenciado da PRF. Uma dos passageiros estava com uma bucha de maconha.

INFORMAÇÕES OFICIAIS DA PRF: “Na madrugada do 26 de novembro de 2021, durante patrulhamento realizado na BR 356, agentes da Polícia Rodoviária Federal desconfiaram de um VW/Voyage que estava com adesivo de um dos aplicativos de mobilidade urbana que funcionam na cidade de Muriaé. Foram dados sinais de sirene porém o motorista demorou a parar. Logo que o veículo parou, no trevo de acesso ao bairro do Porto, um dos ocupantes abriu a porta traseira esquerda e empreendeu fuga rumo ao bairro São Pedro. Quando passou em frente a AABB o indivíduo dispensou um revólver calibre .32 com três munições intactas e não foi mais alcançado. Dentro do automóvel ficaram quatro passageiros mais o motorista do aplicativo. Com os passageiros foram encontrados uma pequena porção de maconha e R$ 115,00 reais. Após vistoria no veículo foi constatado que o mesmo possui declaração de roubo ocorrido no ano de 2014 na cidade do Rio de Janeiro. O passageiro que fugiu foi posteriormente identificado e possui antecedentes criminais por tráfico de drogas, tendo saído do sistema penitenciário no início do ano. O veículo foi apreendido e removido para o pátio credenciado do Detran. Todos os passageiros e o motorista foram apresentados na delegacia de Polícia Civil em razão do cometimento dos crimes de receptação de veículo roubado, porte ilegal de arma de fogo e posse de droga” informa a PRF.

Ver Mais Notícias


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *